Yahoo Web Search

  1. About 659,000 search results
  1. Origen del Pop. El término canción pop se registró por primera vez en 1926, usado en el sentido de una pieza musical «que tenga atractivo popular». [4] A partir de la década de 1990, el término «música pop» se ha utilizado para describir un género distinto, destinado a un mercado joven, a menudo caracterizado como una alternativa suave al rock and roll.

  2. it.wikipedia.org › wiki › Musica_popMusica pop - Wikipedia

    Gruppi musicali pop · Musicisti pop · Album pop · EP pop · Singoli pop · Album video pop La musica pop , traduzione del termine inglese pop music , è un genere musicale appartenente all'insieme della popular music , che trova origine, nella sua forma moderna, come derivazione del rock and roll [1] .

    • Definições
    • Origem Do Termo Música Pop
    • Influências E Desenvolvimento Do Pop Music
    • Características
    • Ver também
    • Notas
    • Bibliografia

    Os escritores David Hatch e Stephen Millward definem a música pop como "um conjunto musical que é distinguível da música popular, folclórica e do jazz".[5] Embora seja normalmente vista como orientada às tabelas de sucessos, não abrange todas as listas de canções mais vendidas, que sempre tiveram obras de diversas origens como a clássica, o jazz, o rock e faixas humorísticas, ao passo que é um gênero notado como separadamente contínuo e em desenvolvimento.[6] Assim, a "música pop" pode ser usada para descrever um gênero distinto, visado a um público jovem e caracterizado como uma versão mais leve do rock and roll.[7]

    O termo "canção de pop" tem registro de uso do ano de 1926, no sentido de uma obra musical "com um apelo popular".[8] Hatch e Millward indicam que muitos eventos na história da música nos anos de 1920 podem ser vistos como o nascimento da moderna indústria de música pop, incluindo na country, no blues e na old-time music.[9] De acordo com o Grove Music Online, o termo "música pop" "foi criado no Reino Unido em meados dos anos de 1950 como uma descrição para o rock and roll e os novos estilos musicais juvenis que influenciou...".[10] O The Oxford Dictionary of Music afirma que ao passo que o pop "tinha um significado inicial de concertos recorrentes a uma ampla audiência (...) desde o final daquela década, entretanto, o gênero tinha uma conotação especial de música não-clássica, geralmente na forma de canções, interpretadas por artistas como The Beatles, Rolling Stones, ABBA, etc".[11] A fonte também declara que "(...) no início dos anos de 1960, [o termo] 'música pop' competiu de fo...

    Durante seu desenvolvimento, a música pop foi influenciada pela maioria dos outros gêneros populares. O seu início foi caracterizado pela forma da balada sentimental, obtendo o uso de harmonias vocais evangélicas, do soul, do jazz, da country, do rock, a orquestração clássica e o andamento de dança musical, sendo sustentada pela música eletrônica e por elementos rítmicos do historial do texas e recentemente apropriou-se de passagens faladas do rap.[7] O gênero também fez uso de inovações tecnológicas. Nos anos de 1940, o design do microfone aperfeiçoado permitiu um estilo de canto mais pessoal[16] e uma ou duas décadas depois, gravações de 45 rotações por minuto mais baratas e duráveis para canções lançadas como singles "revolucionaram a maneira na qual a pop foi disseminada" e auxiliou a inserir músicas de pop em sistemas de fonografia, rádio e filmes.[16] Outra mudança tecnológica foi a larga disponibilidade da televisão nos anos de 1950: com apresentações televisionadas, "estrela...

    Musicologistas geralmente identificam as características seguintes como normais ao gênero de música pop: 1. Um objetivo de atração a um público geral ao invés de a uma subcultura específica ou uma ideologia;[7] 2. Uma ênfase no artesanato em vez das qualidades "artísticas" padronizadas;[7] 3. Uma ênfase na gravação, na produção e na tecnologia em vez de apresentações ao vivo;[14] 4. Uma tendência de refletir tendências atuais a desenvolvimentos contínuos;[14] 5. Muito da música pop é feito em função de dançar ou usa batidas e ritmos destinados à dança.[14] O ponto principal da música pop é a canção, normalmente entre dois ou três minutos e meio de duração e marcada por um elemento rítmico consistente e perceptível, por um estilo dominante e por uma estrutura tradicional simples.[20] Variantes comuns incluem a forma verso-e-refrão e a de versos curtos, que focam nas melodias e batidas cativantes, com um refrão que contrasta-se melódica, rítmica e harmonicamente em relação ao verso.[2...

    Este artigo foi inicialmente traduzido do artigo da Wikipédia em inglês, cujo título é «Pop music», especificamente desta versão.

    • Pop Indie
    • Pop Comercial
    • Pop Electrónico
    • Pop Tradicional
    • Pop Versus Rock
    • Véxase tamén

    A esta liña pertencen tódalas agrupacións cuxas compañías discográficas non contan con grandes orzamentos e que, xa que logo, non compiten co "mainstream". O seu carácter underground confírelles certo carácter de culto, que se incrementa en ocasións cunha lírica creativa algo difícil de asimilar nunha primeira escoita. A creación musical está afortalada* fronte á promoción ou a rendibilidade do produto. No movemento indie adoitan predominar actitudes e gustos "freak", certa atemporalidade en forma de "síndrome de Peter Pan", e fetichismo cara ao retro e o kitsch.

    É o pop que atopamos en radiofórmulas, soportado por grandes compañías discográficas cuns obxectivos económicos moi claros e definidos. A estes obxectivos vense sometidos os artistas, que en ocasións funcionan como verdadeiros produtos de tempada. É unha música de consumo, que vive pouco tempo (en ocasións, só os meses de verán), e cuxo contido en moitas ocasións é convencional e estándar. É xusto recoñecer que dentro desta liña musical, e aínda amparados por desmesuradas campañas comerciais, tamén existen grupos e solistas que gozan dunha calidade contrastada e de liberdade creativa. Na sociedade de consumo o primeiro obxectivo dun produto é que cree os máximos beneficios posibles e o pop cumpre con esta norma. É un dos xéneros con maior potencial de consumidores e isto aproveitárono as cadeas de televisión para crear artistas do xénero en programas como Operación Triunfo, e que teñen grandes audiencias. Sen dúbida, unha das características que definen o carácter deste xénero é o f...

    É aquel que se xerou con instrumentos electrónicos e sons dixitais. Véxase: Aviador Dro, OBK ou Alaska.

    É aquel que se xerou coa estrutura musical tradicional dos Beatles: Voz, guitarra, baixo e batería. Véxase Rolling Stones, La Habitación Roja, Amaraletc.

    Hai tantas características comúns entre o rocke o pop que, en moitas ocasións, unha mesma composición pode ser catalogada indistintamente con argumentos igualmente sólidos. De calquera modo, existe a opinión consensuada de que a principal diferenza está na intensidade do espectáculo en directo e na forza e virtuosismo instrumental. O rock sempre mantén a estrutura tradicional "guitarra - baixo - batería", con riffs saturados e sós de guitarras penetrantes, cun gran núcleo rítmico de baixo e batería, e con voces máis desgarradas. A temática das letras acostuma ser máis ampla e arriscada. O pop, ao contrario, non ten estrutura instrumental definida, predomina a melodía de voz sobre o resto de instrumentos, e mantén un clímax musical máis asimilable e limpo.

    Outros artigos

    1. Música 2. Música moderna 3. Arte pop

  3. People also ask

    What are some facts about pop music?

    What are all the pop songs?

    What are the Top 40 pop songs?

    What is the difference between pop music and popular music?

    • Definições
    • Música Erudita E Música Popular
    • A Música Popular No Século Xx
    • Ver também

    Entre estudiosos em ciências humanas, foi proposto um grande número de definições a respeito da música popular. Frans Birrer(1985, pág. 104) estabelece quatro conceitos de "música popular", a saber: 1. Definição normativa: sempre a música popular é um tipo musical de qualidade inferior. 2. Definição negativa: a música popular é a música que não pode ser classificada em qualquer outro gênero. 3. Definição sociológica: a música popular é associada a um estrato específico da sociedade. 4. Definição tecnológico-econômica: a música popular é disseminada pela mídia de massa e pelo mercado. De acordo com Middleton(2018, pág. 4), nenhuma dessas definições são cabíveis, vinculadas apenas a pontos de vista. De acordo com Hall (1978, pág. 6-7), não se pode determinar propriamente qual música fez parte da cultura das elites e qual fez parte da cultura do povo durante a história, o que tornaria vaga a própria definição de música popular. Assim, a música deve ser compreendida em um campo cultural...

    As diferenças entre a música popular e a música erudita é uma questão controversa. Alguns partidários da música erudita afirmam que a música erudita é arteverdadeira, enquanto a música popular seria apenas uma forma de entretenimento. Entretanto, muitas peças que constituem a música popular têm um grande nível de complexidade, enquanto muitas outras peças da música erudita são extremamente simples. A distinção entre a música erudita e a música popular se torna obscura por certos gêneros intermediários, como a música minimalista, o jazz e a chamada música new age.

    Na virada do século XX, a música popular apresentava-se sob a forma de ópera ligeira, ou "opereta", e do entretenimento predominante nos teatros de variedades britânico e americano, que atraíam grandes e entusiásticas plateias. Cinquenta anos depois, o mundo deixava-se dominar pelo rock'n'roll. O catalisador dessa transformação surgiu quando descendentes de escravos do oeste africano introduziram nos Estados Unidos o ritmo do jazz.

  4. Esta página foi editada pela última vez às 18h30min de 18 de junho de 2020. Este texto é disponibilizado nos termos da licença Atribuição-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada (CC BY-SA 3.0) da Creative Commons; pode estar sujeito a condições adicionais.

  1. People also search for